Seleção de fornecedores: entenda o que você deve levar em conta!

No trabalho do arquiteto, conhecimentos técnicos e criatividade são ingredientes essenciais para a criação de um projeto especial. Entretanto, ainda que a fase de concepção seja perfeita, ela sozinha não é suficiente para garantir a satisfação do cliente. Antes da execução, é preciso que o profissional também escolha seus materiais com o mesmo cuidado que dedica no desenho das linhas e elementos.

Sabendo disso, listamos nesse post diversos fatores que devem ser levados em conta na seleção de fornecedores. Acompanhe e garanta mais qualidade nos seus projetos!

O que avaliar na seleção de fornecedores?

Fornecedores são peça fundamental para a concretização do trabalho do arquiteto, esteja ele envolvido com um projeto paisagístico ou decoração interna. Por esse motivo, a escolha da loja que oferecerá os materiais e elementos compositivos se torna tão importante quanto o atendimento das preferências do cliente.

Infelizmente, quem vive uma rotina de escritório muito corrida pode esquecer alguns pontos na hora de avaliar as opções. Para ajudá-lo nesse processo, selecionamos os mais importantes. Confira!

Credibilidade no mercado

Parâmetro bastante utilizado para a busca de qualquer serviço, a credibilidade da empresa frente ao mercado tende a ser um bom indicador de qualidade. Com o auxílio da internet, obter informações sobre um fornecedor se tornou uma missão ainda mais simples. Como consequência, profissionais podem fazer escolhas com mais segurança.

Comece a sua busca com uma pesquisa detalhada sobre a empresa, seu tempo de atuação no mercado e reputação geral. Procure saber que tipo de trabalho ela já realizou, com quais clientes já trabalhou e que tipo de produtos oferece. Também poderá complementar os dados a partir de depoimentos em sites de avaliação, onde pessoas falam sobre o serviço prestado por diferentes empresas.

Referência de clientes

Não se contente somente com as informações apresentadas pela própria empresa. Embora existam fornecedores competentes e de renome, sempre é bom ficar atento em outras fontes de avaliação. Se possível, peça à empresa escolhida os contatos de outros clientes com a qual ela já tenha trabalhado, sejam estes atuais ou antigos.

Para essas pessoas, você pode fazer questionamentos sobre o tipo de serviço prestado pelo fornecedor em questão. Pergunte sobre a qualidade dos materiais, do atendimento e verifique se os prazos de entrega são cumpridos. Se a taxa de satisfação for grande, é bem provável que você também venha a ter bons resultados com a escolha.

Preço do serviço

Outro fator importantíssimo na escolha do fornecedor é o preço dos produtos e serviços por ele oferecidos. Embora os custos variem muito conforme o tipo de material e técnica trabalhada, é importante que o profissional saiba avaliar se os valores apresentados condizem com a qualidade esperada.

Tome cuidado também com a ideia de que os itens mais caros são sempre os melhores. Antes da aquisição, procure avaliar amostras dos produtos e compare preços em diferentes empresas. No fim, valorize fornecedores que conseguem trabalhar com um preço competitivo e que não seja, necessariamente, o mais inferior do mercado.

Localização da empresa

Assim como o tipo de material, a distância do fornecedor até a instalação das obras também interfere no custo final do projeto. Ainda que arquitetos trabalhem com clientes de diferentes regiões, o fato de poder contar com produtos que estejam próximos do destino final é importante para a redução de custos (frete e transporte de materiais), além de dar maior agilidade à entrega dos pedidos.

Hoje, muitos fornecedores de renome já trabalham com modelo de franquias e mantêm suas instalações espalhadas por diversos estados do país. Contando com um  representante  dessas empresas, você dispõe de praticidade para visitar o estoque mais próximo e ainda torna seus projetos mais econômicos e sustentáveis.

Qualidade dos materiais

Talvez um dos aspectos mais lembrados durante a seleção de fornecedores para projetos, a qualidade dos materiais deve ser buscada sempre. Para avaliá-la com dados precisos, converse com um representante para saber a procedência de cada produto, da marca envolvida, os tipos de acabamento trabalhados, entre outros.

Além de observar amostras das criações, procure descobrir se o fornecedor dispõe das habilidades técnicas necessárias para trabalhar com o material que você deseja. Na arquitetura, são comuns os pedidos por móveis, peças, elementos e acessórios únicos, ou seja, com design diferenciado. Sendo assim, certifique-se de que a empresa tem plenas condições de oferecer tudo o que você precisa.

Capacidade produtiva

O fornecedor avaliado tem capacidade produtiva para atender uma grande quantidade de pedidos? Essa é outra pergunta que você deve ter em mente antes de fazer sua escolha, afinal, não será somente o seu escritório a solicitar tais serviços. Muitas vezes, a empresa conta com todos os recursos necessários para produzir materiais de qualidade, mas peca na administração interna.

Como consequência de uma gestão ineficiente, poderão surgir problemas com atrasos na entrega ou até falta de produtos no momento em que o contratante mais precisa. Se não quiser ficar na mão, observe e avalie toda a estrutura do fornecedor e acompanhe os prazos dispostos no contrato. Lembre-se que, como cliente, você tem todo o direito de receber seus produtos com agilidade para cumprir o cronograma da obra.

Tipo de suporte prestado

Quando o assunto é aquisição de materiais, todo apoio técnico oferecido no pós-venda tende a ser mais importante e útil do que o atendimento inicial. Por este motivo, certifique-se de que o fornecedor escolhido trabalha com algum tipo de suporte para eventuais irregularidades que venham a ocorrer com os produtos.

Quem dispõe desse tipo de serviço garante total segurança contra danos e/ou defeitos de instalação de materiais na obra. Consequentemente, a aplicação de uma solução rápida e profissional poderá ser a chave para a obtenção de resultados que trarão a satisfação dos clientes. 

Para profissionais que trabalham com arquitetura, nada é mais frustrante do que perceber que a concretização das ideias não saiu como o esperado. Muitas vezes, a saída para o problema pode estar na substituição dos produtos e materiais utilizados. Se este é o seu caso, mantenha a nossa lista em mente na próxima seleção de fornecedores e veja como é possível obter mais qualidade em cada trabalho. 

Agora, conte para a gente nos comentários: o que você costuma avaliar na escolha de um fornecedor? 

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"