Como a revisão dos processos internos da empresa pode ajudar a vender mais?

Otimização de processos é mais do que simplesmente encontrar falhas e superá-las para a redução de custos. É encontrar novas formas de fazer com que sua empresa cresça de maneira sustentável, buscando a melhoria contínua e a satisfação do cliente em todos os pontos de contato. Para atingir esse patamar de excelência e ver seu esforço refletido no aumento das vendas, nada melhor do que revisar os processos internos da empresa continuamente, sempre com o olhar no futuro e em como você pode agregar ainda mais valor ao seu negócio.

Por que revisar os processos internos da empresa

Existem empresas que investem pesado no mapeamento e desenvolvimento de processos e depois simplesmente esquecem que eles podem se tornar obsoletos, podem ser melhorados ou ainda substituídos por novos processos, mais ágeis e eficazes. Essa atitude leva à paralisação da empresa no tempo, tornando-a ultrapassada e passível de ser vencida por qualquer concorrente mais antenado com o mercado. 

Para não incorrer neste equívoco, você deve sempre estar atento a novas formas de gestão, a novas tecnologias e ferramentas que possam melhorar tanto a sua produtividade quanto o uso de recursos, afinal, uma empresa de sucesso sabe muito bem como utilizar seus recursos conscientemente para maximizar seus resultados

Além disso, quando você revisa os processos internos da empresa, tem a chance de melhorar sua performance em vários pontos.

  • Economia de recursos, o que aumenta a rentabilidade da empresa;
  • Maior produtividade para os funcionários;
  • Melhoria no atendimento ao cliente;
  • Processos mais ágeis e enxutos;
  • Eliminação do retrabalho e de processos burocráticos;
  • Equipes mais envolvidas com suas responsabilidades e deveres;
  • Metas e objetivos estratégicos atingidos com maior eficácia.

Todos esses benefícios trazidos pela revisão dos processos internos da empresa impactam diretamente nas suas vendas: funcionários mais produtivos trazem mais resultados; a melhoria no atendimento garante clientes mais satisfeitos; processos mais ágeis e enxutos melhora a qualidade do atendimento e também a performance dos funcionários; a eliminação do retrabalho deixa mais tempo livre para que seus funcionários atendam aos clientes com mais atenção e qualidade; equipes cientes de seus deveres trabalham com mais afinco e, quando seus objetivos estratégicos são atingidos, você torna sua empresa melhor, com uma imagem respeitada no mercado, o que certamente também atrai novos clientes.

Dicas para aprimorar os processos internos da empresa

Colher todos os frutos que acabamos de listar requer que você dê alguns passos importantes na sua empresa, revisando os processos internos de forma autocrítica, mas sem vitimizações. Se algo está errado, é o momento certo para consertar e passar a fazer as coisas de outra forma, sempre pensando em como você estará contribuindo para a sustentabilidade do seu negócio.

Integre os sistemas da sua empresa

O primeiro passo é um dos mais importantes e com o qual você tem que ter certo cuidado: a integração de sistemas. Quando você tem sistemas de gestão integrados, unifica sua empresa, agiliza os fluxos informacionais e traz uma mudança bastante relevante: maior eficiência operacional para todos.

Quando a informação está disponível em tempo real, as pessoas podem tratar de seus assuntos com mais agilidade e segurança, tomando decisões pautadas em dados, não em feeling. Isso impacta tanto na qualidade das decisões tomadas pelos seus funcionários quanto no tempo de atendimento ao cliente, trazendo uma imagem de empresa eficiente, preocupada com o atendimento, o que leva a novas vendas.

Fortaleça a comunicação interna

O comprometimento dos funcionários é fundamental para que sua empresa siga rumo ao sucesso, afinal, sem este envolvimento, as pessoas trabalham apenas pelo salário ao final do mês. Um dos fatores que mais influenciam no engajamento da sua equipe é uma comunicação interna fluida, de duas vias, em que as pessoas ouvem e são ouvidas. Neste sentido, procure abrir canais de comunicação interna que facilitem o contato entre todos na sua empresa.

Quando as pessoas se sentem participantes das decisões e valorizadas em suas contribuições, elas trabalham com foco em suas metas, tornam-se mais produtivas, atendem aos clientes com mais qualidade, deixam de faltar ao trabalho e, de quebra, você atrai os melhores talentos para a sua empresa. E uma empresa forte assim, vende muito mais.

Monitore a performance e siga aprimorando os processos internos da empresa

O foco da sua empresa deve ser o de melhoria contínua nos processos. Para tanto, você deve criar mecanismos de monitoramento e análise, como indicadores de performance. Estes indicadores devem estar atrelados aos objetivos estratégicos da empresa, revelando, em números, o quanto você tem evoluído em seus processos internos e quanto falta para atingir o nível de excelência esperado.

O monitoramento e a análise também permitem que você identifique gargalos em seus processos, atuando de forma antecipada para corrigi-los. Uma boa forma de fazer essa análise é utilizando ferramentas de gestão da qualidade, como é o caso do Diagrama de Ishikawa ou Diagrama de Causa e Efeito.

Por meio dos dados coletados, você também será capaz de antecipar-se a tendências de mercado, trazendo inovações para sua empresa antes que a concorrência perceba a importância de determinadas transformações. Saindo à frente, você tem mais tempo e conhecimento para posicionar-se no mercado e aumentar sua competitividade.

Faça uma gestão otimizada

Algumas decisões podem ser tomadas com o tempo, mas outras requerem certa agilidade por parte da gestão da sua empresa. Este é o caso de formação de parcerias estratégicas, novos investimentos ou projetos de melhoria interna. E, quando a pressa fala mais alto, você precisa de ferramentas que permitam a tomada de decisão em pouco tempo, com o máximo de segurança possível.

A adoção de ferramentas de gestão empresarial se torna crucial neste sentido, pois são elas que permitem coletar, processar e analisar uma quantidade gigantesca de dados, confrontando-os para que você tenha à sua disposição relatórios analíticos completos, que reflitam a real situação da sua empresa. Ou seja, quando você automatiza processos, favorece os fluxos informacionais e constrói sua inteligência de negócios com mais facilidade, otimizando sua gestão e trazendo para melhores oportunidades de vendas.

Deixar para revisar os processos internos da empresa somente quando eles se mostrarem desgastados é um risco que você não pode – e não deve – correr. Sendo assim, faça uma autoanálise, descubra quais são seus gargalos e comece a tratá-los agora mesmo.

Quer mais dicas de como revisar seus processos internos? Conte-nos sua dificuldade e nós traremos algumas soluções para você!

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"