6 ferramentas de planejamento estratégico para sua loja

O planejamento estratégico é fundamental para todas as empresas, independentemente de serem pequenas, médias ou grandes. Ele é o grande responsável por estabelecer a direção a ser seguida pelo negócio. É por meio do planejamento estratégico que se definem todos os objetivos de curto, médio e longo prazo.

Na hora desenvolver essas diretrizes para a sua loja, ou outro comércio, é muito importante levar em consideração não somente os fatores e processos internos da empresa, mas também os fatores externos, como os concorrentes e competidores, a demanda de mercado, o cenário econômico vigente, entre outros. Para a criação de um planejamento eficiente e que possibilite bons resultados, não se pode ter uma visão somente da empresa, mas sim global.

Para ajudá-lo a elaborar as estratégias e diretrizes ideais para o seu negócio, separamos neste post as seis ferramentas de planejamento estratégico que não podem faltar na sua loja. Confira a seguir!

1. Diretrizes do negócio

Antes de iniciar a criação do planejamento estratégico em si, é muito importante que a loja responda algumas perguntas que serão as diretrizes do negócio e servirão de base para todas as decisões futuras. Então, antes de tudo, deve-se responder as seguintes indagações:

  • O que é a empresa?
  • Aonde se quer chegar?
  • O que é mais importante para o negócio?
  • Quais são os princípios fundamentais a serem seguidos?

Todas essas perguntas são fundamentais para a gestão de qualquer empresa, pois sem chegar a essas definições é impossível traçar o futuro e os objetivos estratégicos do negócio. Além disso, cada uma das respostas é de extrema importância para as definições da Missão, Visão e dos Valores da empresa — informações que serão abordadas a seguir.

2. Missão, Visão e Valores

Esse trio é um dos recursos mais importantes para que os empreendedores consigam orientar e planejar suas empresas. Definir claramente cada uma dessas informações é ponto de partida para a criação do planejamento estratégico de qualquer negócio e para trilhar os seus caminhos em toda a sua existência.

  • Missão: a missão deve responder e mostrar tudo o que a empresa se propõe a fazer ou apresentar para os clientes. O seu enunciado é uma declaração dos propósitos e de todas as responsabilidades da empresa perante os clientes.
  • Visão: a visão nada mais é do que a descrição do que a empresa espera e deseja para o futuro. Ela mostra os alvos individuais e coletivos a serem alcançados pelo bem da corporação. É muito importante que a visão da empresa mostre o que ela deve se tornar e a inspiração para que isso ocorra.
  • Valores: os valores da empresa são todos os princípios, crenças, atitudes e decisões que todos os funcionários devem seguir em suas responsabilidades diárias. Podemos dizer que os valores são todos os procedimentos que precisam ser seguidos enquanto se executa a Missão, buscando alcançar a Visão da empresa.

Todas as organizações que buscam direções estratégicas devem ter muito bem definidos cada um desses pontos, pois eles serão cruciais para a formulação de um planejamento eficiente.

3. Análise SWOT

Para montar o planejamento estratégico de uma loja, é fundamental que se leve em conta fatores internos e externos. Uma ferramenta ideal para fazer isso é a análise SWOT — Strengths (Forças), Weaknesses (Fraquezas), Opportunities (Oportunidades) e Threats (Ameaças). Por meio dessa ferramenta, é possível aprofundar o conhecimento sobre o seu negócio e ter uma análise minuciosa do contexto no qual a sua empresa está inserida.

A análise SWOT é uma ferramenta clássica quando se trata da gestão de negócios, servindo para analisar os pontos fracos e fortes da empresa e todas as oportunidades e ameaças que ela possa ter. Utilizando essa análise, os gestores podem desenvolver planos de ação e planejá-los de forma eficaz, sempre visando reduzir ou contornar os riscos e aumentar as oportunidades de sucesso do negócio.

4. As 5 Forças de Porter

Outra ferramenta fundamental na hora de planejar seu negócio são as 5 Forças de Porter. Obviamente, é muito difícil conhecer todos os concorrentes da empresa, saber em quais detalhes eles são melhores e em quais pontos seu negócio é mais forte. Utilizando as 5 Forças de Porter, é possível realizar uma reflexão sobre a concorrência, os produtos disponíveis e como os fornecedores podem impactar o mercado.

Essa ferramenta é indicada para organizações de todos os tamanhos, desde pequenas lojas e comércios até grandes corporações, que buscam analisar o ambiente competitivo em que se encontram. Ela é muito útil, pois possibilita ao empreendedor uma visão mais ampla da concorrência e ajuda a perceber como derrotá-la.

5. Planos de ação

Terminadas as análises citadas e após conhecer a concorrência e todos os riscos do seu negócio, é necessário estipular quais ações devem ser tomadas para que todas as metas, previamente determinadas e orientadas pela visão da empresa, sejam alcançadas.

O plano de ação é uma ferramenta largamente empregada com a finalidade de descrever atividades e acompanhá-las, sendo muito útil desde a formulação de atas de reuniões e relatórios corporativos até definições estratégicas. O plano de ação possui documentos, tarefas e procedimentos que buscam alinhar e planejar todas as ações necessárias para alcançar os resultados esperados.

O planejamento estratégico da empresa não deve conter apenas um plano de ação, mas sim diversos. Cada um desses planos deve ter um objetivo específico, e todos somados conduzem aos resultados desejados.

6. Ciclo PDCA

O ciclo PDCA — Plan-Do-Check-Act —, que pode ser traduzido como Planejar-Fazer-Checar-Agir, é uma ferramenta amplamente utilizada para planejamento de atividades e busca por melhorias contínuas. A técnica de qualidade total possibilita que as empresas desenvolvam melhorias em processos e/ou tarefas e mantenham uma avaliação de todos os resultados.

O ciclo permite também monitorar a eficácia dos planos de ação, checar se os problemas ou gargalos estão sendo solucionados de forma correta e aplicar procedimentos que visem à melhoria contínua.

O PDCA é uma ferramenta crucial para a formulação e acompanhamento do planejamento estratégico de uma empresa. É fundamental para identificar problemas e ajudar a aperfeiçoar os mais diversos processos.

Agora, você conhece as melhores ferramentas de planejamento estratégico para o seu negócio. Caso conheça outras que não citamos, não deixe de comentar e compartilhar conosco!

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"